Saiba a diferença entre RMS e PMPO.

Ao contrário do que muitos dizem por aí, não existe nenhuma fórmula capaz de transformar Watts RMS em Watts PMPO. RMS (Root Mean Square) é a potencia máxima que um equipamento pode gerar com baixo nível de distorção e em toda a gama audível Hi-Fi (20Hz a 20Khz), por tempo indeterminado. PMPO (Power Music Pic Output) é a potencia de pico do aparelho, ou seja, aquela que será gerada com o volume no máximo e, em conseqüência, com altíssimo nível de distorção e muito próxima dos limites de desempenho e confiabilidade/durabilidade do aparelho, podendo ser utilizadas apenas por breves períodos antes que se tenha danos irreversíveis aos amplificadores ou caixas.

Dependendo do projeto do amplificador, a potencia em RMS pode variar de 1 a 10 vezes a potência em PMPO, sendo possíveis discrepâncias até maiores do que essas. Portanto, potência é sempre a mesma coisa (Watts), diferenciando apenas nas condições em que foi medida.

A recomendação do Inmetro é que o consumidor que for comprar auto-falantes para carro e estiver preocupado em saber a potência real do equipamento deve guiar-se somente pela medida RMS, sem considerar a PMPO, embora a segunda esteja em destaque nas embalagens.

O problema, segundo o Inmetro, é que, em canto a RMS (também conhecida como watt/RMS) tem critérios de medição e normalização uniforme, a potência PMPO pode ser obtida de acordo com critérios diferentes por parte de cada fabricante.

Enquanto a RMS a RMS é medida da mesma forma tento no Brasil como na Alemanha, EUA ou Japão, a PMPO pode diferir entre os próprios fabricantes de cada um desse países, Aqui, a RMS está regularmente na ABNT, norma 5.308. Em relação a PMPO, não existe registro.

Um exemplo da falta de critérios é sentido no mercado nacional. Quando a PMPO surgiu, as empresas reuniram-se e, em um acordo de cavalheiros, decidiu estabelecer o coeficiente de multiplicação, responsável pela obtenção da medida final, em 3,5. Porém passados alguns messes,começaram as discordâncias. Aproveitando-se da falta de uma regulamentação, algumas empresas do setor resolveram modificar por conta própria o coeficiente. E, exatamente pela inexistência de critérios sobre essa potência, não é possível saber quem está com a razão

A diferença entre potência PMPO induz o consumidor ao erro. “ O resultado de tanta enganação em relação a PMPO é que a sigla passou a ser chamada no mercado de Potência Máxima Para Otário”, diz o gerente-técnico e Comercial da Bravox, Reinaldo Barros.

Artigo retirado a internet.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.


oito + = 12